Entregue rodovia recuperada que beneficia moradores de Senhor do Bonfim e região


Repórter: Raul Rodrigues
Secom
Os 17 quilômetros que ligam o entroncamento da BR-407 e o povoado de Quicé, na zona rural de Senhor do Bonfim, não são mais um problema para estudantes, produtores rurais, comerciantes ou qualquer pessoa que precisa transitar pelo trecho. Entregue nesta terça-feira (4), pelo governador Rui Costa, a estrada está completamente recuperada e atende 125 mil pessoas, incluindo habitantes dos municípios de Itiúba e Andorinhas. Na visita a Senhor do Bonfim, Rui autorizou a Secretaria de Infraestrutura (Seinfra) a elaborar o projeto do aeroporto da região, visitou o Hospital Regional, que até o dia 25 está realizando o Mutirão de Cirurgias Eletivas, entregou barracas para comercialização dos produtores rurais e autorizou outras obras e convênios.
O governador destacou que Senhor do Bonfim e região estão recebendo R$ 16 milhões em investimentos, registrados apenas na visita desta terça-feira. “Estamos também investindo mais de R$ 1 milhão para fazer o projeto do aeroporto, que vai beneficiar diversos municípios. A partir de agosto, o projeto deve estar pronto, para podermos licitar e construir. Um empresário que queira fazer um investimento, ou um paciente que precise sair daqui em uma UTI aérea, precisam desse aeroporto, que significa desenvolvimento regional, salvar vidas e aumentar a geração de renda”.
O comerciante Wilson Costa passa todos os dias pelo trecho da rodovia que foi recuperado. “Nós temos uma economia de tempo e combustível, porque precisávamos desviar por Filadélfia e Itiúba. Hoje está um tapete, excelente, eu evitava passar por aqui porque a estrada não dava condição”. A produtora rural, Arenaide Cardoso, 66 anos, vive desde criança em Quicé. “Ver essa estrada boa era um sonho que meu pai tinha e que nós, filhos e netos, estamos contemplando. Eu agradeci pessoalmente ao governador, porque a gente sofria muito, principalmente, em tempo de chuva. Para chegar a Senhor do Bonfim era mais de uma hora, agora a gente demora no máximo 20 minutos”.
Estrada
Ainda na área de infraestrutura, foram assinados o contrato de desenvolvimento sustentável do Território do Piemonte Norte do Itapicuru, que permite a manutenção preventiva de mais de 230 quilômetros de estradas, com investimento de mais de R$ 1 milhão, e a ordem de serviço para obras de iluminação pública na avenida João Durval Carneiro, no trecho entre a Uneb e a Rodoviária, no valor de aproximadamente R$ 800 mil. Segundo o governador, “essa obra é importante não apenas para a beleza da cidade, mas iluminação é importante também para a segurança pública”.
Rui Costa também visitou o hospital onde estão sendo realizadas as cirurgias eletivas e assinou o credenciamento de unidades à rede de saúde pública para realização, por meio do SUS, de cirurgias de ortopedia, traumatologia, urologia e outras especialidades. Segundo a coordenadora do Mutirão de Cirurgias Eletivas que está sendo realizado no Hospital Regional de Senhor do Bonfim, Daiane Brandão, a captação dos pacientes foi feita pela secretaria de saúde municipal. “Nós vamos executar cerca de 400 cirurgias, começamos no dia 3 de julho e prosseguimos até o dia 25, nas especialidades de vesícula, histerectomia e três tipos de hérnia”, explicou.
Desenvolvimento rural
Ainda nesta terça, foi autorizada a construção de unidades sanitárias rurais e de dessedentação animal e assinado convênios com o Bahia Produtiva. O governador também autorizou a aquisição de equipamentos de laticínio para a unidade de resfriamento de leite no distrito de Quicé, no valor de R$ 493 mil reais, e entregou mudas de palmas, para alimentação do gado.
De acordo com o governador, “a forte agricultura do estado contribui significativamente para o desenvolvimento da Bahia. Eu tomei um empréstimo no Banco Mundial e estamos fazendo projetos de apoio à agricultura familiar em praticamente todos os municípios baianos. Um agricultor que produz mais, ganha mais, vai gastar esse dinheiro nas cidades, movimentando a economia, gerando emprego e renda”.

O produtor rural Jorge Antônio Pereira é coordenador da Feira Orgânica da região, iniciativa que tem o apoio do Governo do Estado. “Hoje estamos recebendo 30 barracas, que vão beneficiar 66 famílias de pequenos produtores. Nós tínhamos apenas 20 barracas, agora são 50, eram quatro produtores por barraca. Poderemos trazer uma quantidade de produtos muito maior. É a quarta vez que o Governo vem em nosso socorro. Já recebemos um trator, um caminhão, cinquenta barracas e temos o apoio da certificação orgânica”.
Metas alcançadas
De acordo com o secretário de Desenvolvimento Rural, Jerônimo Rodrigues, a agenda em Senhor do Bonfim é um aporte de quase R$ 2 milhões para a agricultura familiar. “Neste início do segundo semestre de 2017, o Governo do Estado se destaca em nível nacional por estar cumprindo o seu programa de governo, especialmente na área de Desenvolvimento Rural. Já alcançamos mais de 60% da meta estabelecida no programa cumprida e, com mais um ano e meio de trabalho, vamos ultrapassar nossa proposta e fazer algo mais”.

Jerônimo ressaltou, entre as ações no segmento, as políticas públicas que garantiram a subsistência no semiárido. “O Garantia Safra está chegando a 400 mil famílias, o Pronaf, que mesmo sendo do Governo Federal, tem nosso apoio com uma agenda de assistência técnica, além da Agroindústria. Outro destaque que vamos ter como referência são as cadeias produtivas, como por exemplo a do cacau que, até o final do ano que vem, estará bastante fortalecida. Também vamos trabalhar as cadeias do café, da ovinocaprinocultura. Queremos fechar um ciclo fazendo entregas de cadeias produtivas com pessoas envolvidas, mercado e comercialização funcionando e as famílias com recursos e renda no bolso”. Também estiveram presentes nos eventos de entrega os secretários estaduais de Infraestrutura, Marcus Cavalcanti, e da Justiça, Diretos Humanos e Desenvolvimento Social, Carlos Martins.
Compartilhar no Google Plus

Sobre WEB INTERATIVA

DEIXE SEU RECADO