Saiba como cuidar e manter os pelos de seu animal hidratados e saudáveis


Fonte: iBahia

Manter o pelo dos 'catioros' e 'gatíneos' sedosos e sem queda pode ser um grande desafio para os tutores. O hábito de escovar o animal deve ser construído para que ele se acostume com a atividade, integrando-a a rotina do pet. Uma boa estratégia é pentear o animal antes do passeio ou parabenizar quando finalizar, para ele associar a um momento de diversão.

Seja um animal de pelo curto ou longo, lavar, hidratar e escovar os cabelos dos pets são tarefas essenciais para mantê-los cheirosos por mais tempo e longe de pulgas, carrapatos e outras doenças. Os nós formados abrem brechas para que os hospedeiros se fixem na pele do animal e provoquem infecções, principalmente na região da barriga e patas, demandando atenção especial ao final de todo passeio. Os locais mais sensíveis e que precisam ser limpos com maior zelo e cuidado pelos tutores são a dos olhos e perto do focinho, que podem ser lavadas com algodão e soro fisiológico.

Manter os pelos dos animais cheirosos vai além da estética, é uma questão de saúde que deve ser assegurada pelos tutores. Por isso, entender qual o tipo de pelo do animal e quais cuidados são necessários é essencial para o bem estar dos pets.

ANIMAIS DE PELO CURTO
Apesar de não formarem nós, os animais de pelo curto também precisam de atenção dos tutores para manter a saúde do pet. No caso dos cães, é recomendado banho em períodos moderados, num período de 20 dias, e com escovação semanal. Já para os gatos, que não são tão chegados à água, o banho deve ser feito mensalmente. Para ambos, a escova utilizada ceve ser de cerdas macias.

ANIMAIS DE PELO LONGO
Para evitar a formação de nós, é preciso que os tutores de pets com madeixas longas tenham atenção dobrada, escovando-os diariamente com pente fino e escova com cerdas rígidas. Além de pentear, os tutores podem fazer uso de shampoos e hidratantes que vão tornar os pelos mais sedosos e mais fortes. Se houver muitos nós, é importante o tutor manter a calma do animal na hora de escovar, já que se trata de um processo doloroso e incômodo ao bichinho.
Compartilhar no Google Plus

Sobre WEB INTERATIVA

DEIXE SEU RECADO