Pai é preso por espancar filho de 10 anos em Senhor do Bonfim; confira o boletim do 6º BPM



Por voltas das 11h20 desta terça-feira (30), policiais da 4ª Companhia do 6º BPM, atendendo à uma solicitação, se dirigiram ao Povoado Gargatua, zona rural de Queimadas-BA. Ao chegar no local, em contato com a vítima, uma mulher de 27 anos, foram informados que seu companheiro havia tentado contra sua vida utilizando-se de uma arma de fogo tipo espingarda de fabricação caseira, onde no momento em que tentou disparar contra a mesma, uma pessoa que passava e viu a situação impediu, quebrando a arma, momento em que ela fugiu e se escondeu numa residência vizinha.

Na presença dos policiais, a vítima autorizou a entrada em sua residência, onde encontraram o acusado, de 31 anos, deitado em uma cama. Durante a abordagem, foi encontrada a arma do crime e outras 02 (duas) espingardas no interior da casa. Diante dos fatos, acusado e vítima, juntamente com o material encontrado, foram conduzidos à Delegacia de Polícia onde foi lavrado flagrante delito.

6º BPM FAZ CONDUÇÃO POR AGRESSÃO E AMEAÇA

Por volta das 14h20 desta terça-feira (30), policiais da 1ª Companhia do 6º BPM se dirigiram à Rua José Francisco, Bairro Barbosa Santos, em Senhor do Bonfim-BA, onde um senhor de 54 anos de idade acusou seu filho, de 29 anos, de tê-lo empurrado contra uma parede e lhe ameaçado de morte, após uma discussão. Os envolvidos foram conduzidos à Delegacia de Polícia para que fossem adotadas as devidas providências.

6º BPM REALIZA PRISÃO POR VIOLÊNCIA CONTRA CRIANÇA

Por volta das 17h15 desta terça-feira (30), policiais da CETO – Companhia de Emprego Tático Operacional, acompanhados por prepostos do Conselho Tutelar, se dirigiram à Rua do Bolo, no distrito de Igara, zona rural de Senhor do Bonfim-BA, a fim de averiguar denúncia de violência contra criança. Ao chegar no local, foi constatada a veracidade do fato, onde um homem de 32 anos de idade teria agredido seu filho de 10 anos, que estava sangrando na região da cabeça. Segundo a denúncia, a violência contra a criança era cometida com frequência. Diante dos fatos, acusado e vítima foram conduzidos à Delegacia de Polícia para que fossem tomadas as devidas providências.

Sexto Batalhão de Polícia Militar

Seção de Comunicação Social
Compartilhar no Google Plus

Sobre WEB INTERATIVA

DEIXE SEU RECADO