Vacinação contra a gripe começa nesta segunda (23) em todo o país

(Foto: Guilherme Mendes/TV Anhanguera)
Redação: Correio 24h


Este ano os grupos são formados por idosos (a partir de 60 anos), crianças (de 6 meses a menores de 5 anos), gestantes, puérperas (mulheres que ganharam bebê nos últimos 45 dias), trabalhadores de saúde do serviço público e privado, jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas, professores, portadores de doenças crônicas e a população carcerária que reside na capital baiana.

A imunização será distribuída gratuitamente para essas pessoas. Quem não se encaixar nesses critérios e tiver interesse deve procurar a rede privada.


Critérios

De acordo com o Ministério da Saúde, os grupos prioritários totalizam 54,4 milhões de pessoas. A pasta informou que adquiriu 60 milhões de doses, que serão entregues aos estados em etapas. “O Ministério da Saúde está assegurando vacina para 100% do público-alvo da campanha”, acrescentou, em nota.

A escolha dos grupos prioritários segue recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS). A definição, segundo o governo brasileiro, também é respaldada por estudos epidemiológicos e pela observação do comportamento das infecções respiratórias, que têm como principal agente os vírus da gripe. São priorizados, portanto, grupos mais suscetíveis ao agravamento de doenças respiratórias.

Compartilhar no Google Plus

Sobre WEB INTERATIVA

DEIXE SEU RECADO