Bactéria presente na saliva dos pets pode matar humanos


Não há quem resista à fofura dos animais de estimação. Cães e gatos são tão próximos dos donos que frequentemente recebem beijinhos e retribuem com lambidas. Mas essa troca de afetos pode ser perigosa aos humanos devido à capnositopefaga, uma bactéria encontrada na saliva dos pets é capaz de matar.

O nome da bactéria é difícil e os casos, raros. Mas, uma vez em contato com o corpo humano, ela pode causar uma infecção grave.
As infecções severas são consideradas incomuns. Segundo as agências internacionais de saúde, desde 1976, apenas 200 casos foram registrados em humanos. Os sintomas são semelhantes aos da gripe, por isso é preciso se atentar à proximidade com os pets. Apenas um exame mais detalhado pode diagnosticar se a bactéria causou a sepse, uma infecção generalizada e grave.
Apenas um exame mais detalhado pode diagnosticar se a bactéria causou a sepse, uma infecção generalizada e grave. O contágio, geralmente, acontece através da mordida do bichinho, mas a bactéria também pode ser transmitida pela lambida do animal.

R7


Compartilhar no Google Plus

Sobre WEB INTERATIVA

DEIXE SEU RECADO