Vale vai doar R$ 100 mil a cada família de vítima da tragédia de Brumadinho

(foto: Alexandre Guzanshe/EM)


Estado de Minas

 Em coletiva no início da noite desta segunda-feira, o diretor executivo de finanças e relação com investidores da Vale, Luciano Siani, afirmou que pagará R$ 100 mil a cada família que teve algum membro morto na tragédia de Brumadinho. O executivo ainda afirmou que o pagamento da quantia não tem relação com a possível indenização cobrada da mineradora no futuro. Conforme a última atualização do Corpo de Bombeiros, dezenas de pessoas foram encontradas mortas junto ao tsunami de rejeitos. Além delas, quase 300 estão desaparecidas.

Siani ainda informou que a Vale está em processo de contratação, junto com o Hospital Albert Einstein, de uma equipe especializada de psicólogos, de assistência a vítimas de catástrofes. Os grupos atuarão em parceria com as forças que já atuam na região.

A barragem 1 da Mina Córrego do Feijão se rompeu na última sexta-feira e parte do seu volume atingiu outras duas barragens que estavam a jusante. Até o momento, 65 pessoas foram encontradas mortas e 292 estão desaparecidas. O número pode aumentar a qualquer momento.

*Estagiário sob supervisão da editora Liliane Corrêa

Compartilhar no Google Plus

Sobre Web Interativa

0 comentários:

Postar um comentário

DEIXE SEU RECADO