Mulher faz quimioterapia, arranca seios e depois descobre que nunca esteve com câncer

Foto: reprodução/arquivo pessoal

Uma mulher passou por um tratamento para curar o câncer de mama, após um diagnóstico médico. Durante o procedimento, além da quimioterapia, ela ainda passou por uma cirurgia para retirada dos dois seios.

No entanto, um ano após o tratamento, em julho de 2017, Sarah Boyle, na época com 25 anos, foi informada pelo hospital que os médicos haviam errado o diagnóstico e ela nunca esteve com câncer. O caso aconteceu no Hospital da Universidade North Midlands, no Reino Unido. Sarah é mãe de duas crianças.

Em entrevista recente ao jornal The Independent, a jovem contou que após a retirada dos seios, ela passou por uma cirurgia de reconstrução das mamas e foi informada que os implantes de silicone podem aumentar o risco de desenvolver câncer no futuro.

“Os últimos anos estão sendo incrivelmente difíceis para mim e minha família. Saber que eu tinha câncer foi horrível, mas passar por todos os tratamentos e cirurgias para descobrir que não precisava disso foi realmente traumatizante. Como se não fosse o bastante, agora me preocupo de desenvolver câncer no futuro pelos meus implantes e também tenho medo das complicações relacionadas à quimioterapia”, desabafou.

Varela Notícias

Sobre Web Interativa

WEB INTERATIVA - PORTAL DE NOTÍCIAS - Redacao@interativapn.com

0 comentários:

Postar um comentário