Vereador mata prefeito a tiros por causa de porteira em lote


O prefeito de um município mineiro distante 258 km da capital, Belo Horizonte, foi morto com seis tiros na manhã deste sábado (13/07/2019), após uma discussão com um vereador da mesma cidade. Segundo a Polícia Militar , Hélio Pinto de Carvalho (PSDB-Mg), o prefeito, discutiu com Marcos Alves de Lima (PSDC-MG) quando foi alvejado. O motivo, ainda segundo a PMMG, teria sido por conta de uma cerca que o tucano queria impedir que Alves instalasse, na intenção de demarcar territórios.
A PM de Naque (MG) disse ao G1 que Lima tem um lote no município. O prefeito quis impedir a demarcação, o que gerou o desentendimento. Segundo testemunhas, Carvalho teria agredido o vereador com chicotadas quando ele sacou a arma e abriu fogo.
O prefeito chegou a ser socorrido e encaminhado a um hospital em Ipatinga, cidade a 40 quilômetros de distância de onde ocorreu o crime. Apesar dos esforços, ele não resistiu aos ferimentos e morreu por volta das 9h50. Os disparos foram efetuados contra o tórax e as pernas da vítima.
Metrópoles

Sobre Web Interativa

WEB INTERATIVA - PORTAL DE NOTÍCIAS - Redacao@interativapn.com

0 comentários:

Postar um comentário