Não larga o celular? Você pode sofrer de nomofobia! Veja sintomas e riscos

Divulgação/Shutterstock



Você sabe o que é nomofobia? Esse transtorno é cada vez mais comum no mundo conectado de hoje e diz respeito ao medo irracional de ficar longe do celular. Se acabou a bateria, não tem sinal ou internet e isso te causa um verdadeiro desespero, pode ser que você tenha a síndrome da dependência digital.

De acordo com a Pesquisa Anual do Uso de TI nas Empresas, realizada pela Fundação Getúlio Vargas, até o fim de 2019, o país terá 420 milhões de aparelhos digitais ativos, o que corresponde a dois dispositivos por habitante.

Esse crescimento no uso de smartphones pode ser positivo por um lado, pois esse tipo de aparelho facilita a comunicação nos dias de hoje, possibilitando um fluxo maior de informações mesmo entre grandes distâncias. Por outro lado, pode ser muito prejudicial à saúde, gerando transtornos psicológicos como a nomofobia .

As redes sociais são as maiores causadoras desse tipo de vício . Quando as pessoas fazem publicações, muitas delas querem sempre conferir quantas curtidas ou compartilhamentos tiveram, o que contribui para o excesso no tempo de uso. É comum também que o indivíduo comece a viver em função da sua "vida virtual" e esse contato mais intenso pode ir gerando efeitos como dificuldade em socializar, estresse, ansiedade e depressão.

Proveniente do termo em inglês, "No Mobile Phobia", a nomofobia é danosa não só no aspecto psicológico, mas também físico. Algumas das consequências para o corpo são fadiga, sedentarismo, dores musculares, distúrbios do sono e problemas oculares. Além disso, o uso dos celulares ao mesmo tempo em que se dirige automóveis pode levar à falta de atenção e acidentes no trânsito.

Redação: Saúde IG

Sobre Web Interativa

WEB INTERATIVA - PORTAL DE NOTÍCIAS - Redacao@interativapn.com

0 comentários:

Postar um comentário