Bolsonaro não sanciona repasse de recursos e servidores municipais podem ficar sem salário


A demora de 20 dias para o presidente Jair Bolsonaro sancionar o projeto que repassa R$ 60 bilhões da União para Estados e municípios enfrentarem a crise do coronavírus pode fazer com que servidores não recebam o salário de maio.

Segundo a Coluna do Estadão, do jornal Estado de S.Paulo, entidades municipalistas estão preocupadas com o pagamento do salário de servidores em maio.

Muitos municípios já não têm dinheiro para fazer os pagamentos, devido à queda de arrecadação provocada pela Covid-19, e dependem da verba federal.

De acordo com o presidente da Confederação Nacional dos Municípios, Glademir Aroldi, o Ministério da Economia informou que o dinheiro pode demorar até sete dias, a partir da sanção, para chegar aos cofres municipais. Ou seja, os salários correm o risco de ficar para depois do quinto dia útil de junho.

Bahia Notícias 

Sobre Web Interativa

WEB INTERATIVA - PORTAL DE NOTÍCIAS - Redacao@interativapn.com

0 comentários:

Postar um comentário

reverse_time-href="https://www.interativapn.com/" data-numposts="5" data-width="">