Depois de gafanhotos, nuvem de formigas voadoras é registrada


Radares meteorológicos da cidade de Londres, e dos condados de Kent e Sussex, na Inglaterra, apontaram, na última sexta-feira (17) que havia chuva ocorrendo nos locais. 
Contudo, não foram vistas precipitações em nenhum deles e, curiosamente, o que os equipamentos estavam captando era uma nuvem de formigas voadoras que passava pela região sudeste do país. 

Durante o verão (que ocorre nesta época do ano no hemisfério norte), formigas podem voar aos céus, geralmente durante dias quentes, úmidos e sem vento”, explicou o MET Office, que é o órgão público responsável pelo acompanhamento meteorológico inglês, em seu perfil no Twitter.

“Caso esteja andando de bicicleta, mantenha a boca fechada. Digo isso por experiência pessoal”, brincou um dos internautas que interagiu com a publicação do instituto.

Apesar de comum, a nuvem de insetos se soma às outras – de gafanhotos – que vem preocupando países da América Latina em 2020. Tanto o Paraguai quanto a Argentina registraram massivas quantidades dos bichos em rápida movimentação.

O Tempo

Sobre Web Interativa 2

WEB INTERATIVA - PORTAL DE NOTÍCIAS - Redacao@interativapn.com

0 comentários:

Postar um comentário

reverse_time-href="https://www.interativapn.com/" data-numposts="5" data-width="">