Ponto Novo: Despesas com campanhas dos candidatos a prefeito ultrapassam os R$ 120 mil


Redação: Web Interativa

redacao@interativapn.com

Todos os gastos dos políticos na campanha eleitoral precisam ser informados ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para posterior análise da Justiça. Apesar de as eleições já terem terminado, os candidatos têm até o dia 15 de dezembro para finalizar a prestação de contas. O teto fixado para as candidaturas à Prefeitura de Ponto Novo é de R$123.077,42.

Com dados do sistema DivulgaCandContas, disponibilizado pelo TSE, até o momento, os prefeituráveis de Ponto Novo gastaram, juntos em suas campanhas eleitorais, R$ 127.328,83.


Do total de despesas contratadas até o momento na prestação de contas onde os candidatos tem até o dia 15 de dezembro para finalizar, Tiago Venâncio (PT) chegou a R$ 45.014,00; o prefeito eleito Thiago Gilleno (PSD) a R$ 82.314,83.

Dentre as contas mais expressivas, divulgadas até o fechamento desta reportagem estão: serviços prestados por terceiros, encargos financeiros, taxas bancárias, atividades de militância, mobilização de rua, combustíveis, lubrificantes, publicidade por materiais impressos e serviços contábeis. Os candidatos ainda devem fazer atualizações nas ações no sistema já que contam com mais um prazo para concluir a declaração.

Das receitas cadastradas no momento, Gilleno já recebeu R$70.000,00; e Venâncio R$35.267,79. Esses valores são em base oriundos do fundo partidário, recursos próprios e doações de pessoas físicas.

Sobre Web Interativa

WEB INTERATIVA - PORTAL DE NOTÍCIAS - Redacao@interativapn.com

0 comentários:

Postar um comentário

reverse_time-href="https://www.interativapn.com/" data-numposts="5" data-width="">