Após morte de operário em soterramento, prefeitura suspende alvará da Vale em Brumadinho

Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação
 

O alvará de funcionamento e localização da mineradora Vale e suas terceirizadas foi suspenso pela prefeitura de Brumadinho neste sábado após uma nova tragédia acontecer no município.

A medida, publicada em uma edição extra do Diário Oficial da cidade nesta sexta-feira (18), foi tomada depois que um operário, identificado como Júlio César 34 anos, morreu em um soterramento na mina do Córrego do Feijão.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, um talude desmoronou perto do local do rompimento da barragem B1, que deixou 270 vítimas no ano passado, entre mortos e desaparecidos.

 

Redação: Varela Notícias


Sobre Web Interativa

WEB INTERATIVA - PORTAL DE NOTÍCIAS - Redacao@interativapn.com

0 comentários:

Postar um comentário

reverse_time-href="https://www.interativapn.com/" data-numposts="5" data-width="">