Web Interativa - O portal de notícias da Bahia

Na Bahia, PF cumpre mandados contra administradores de grupo de Whatsapp por divulgar blitz

A Polícia Federal (PF) deflagrou, na manhã desta terça-feira (1º), na região de Juazeiro, no Norte da Bahia, a operação "Ponte Petro Juá" para apurar suposto crime contra a segurança ou o funcionamento de serviços de utilidade pública.

Os membros de um grupo de Whatsapp denominado “Blitz Petro e Jua”, que trocava informações entre seus membros sobre as fiscalizações de trânsito que aconteciam na cidade baiana e em Petrolina (PE), foram o alvo da operação.

De acordo com a PF, as diligências tiveram origem em levantamentos realizados pela Polícia Rodoviária Federal, que identificou os membros mais ativos do grupo. Durante a operação foram cumpridos seis mandados de busca em Petrolina (PE) e Uauá (BA) em residências de administradores e pessoas que mais postavam informações das fiscalizações nos grupos.

Preto no Branco

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

 

Web Interativa - O portal de notícias da Bahia