Web Interativa - O portal de notícias da Bahia

Vítima de assassinato, cantor de brega-funk tem caixão desenterrado e incendiado

Foto: Reprodução/Redes sociais

 Um cantor de brega-funk que foi assassinado no último domingo (24) em Cabo de Santo Agostinho, no Grande Recife, teve o túmulo violado na segunda-feira (25). O caixão com o corpo de João Vitor da Silva Amorim, de 23 anos, conhecido como MC Pitbull da Firma, foi desenterrado e incendiado no Cemitério São José, no centro do município. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil. MC Pitbull da Firma foi morto a tiros na madrugada de domingo (24), em Gaibu, praia do Cabo de Santo Agostinho. O caso está sendo apurado pela 14ª Delegacia de Polícia. Os motivos do crime não foram divulgados “para não comprometer os trabalhos”. De acordo com informações repassadas pelo município, o ataque ao túmulo de MC Pitbull da Firma aconteceu por volta das 20h de segunda. “Será instaurado inquérito policial para averiguar o caso, que é considerado um crime bárbaro e de violência gratuita”, afirmou a prefeitura, no comunicado. Nesta terça (26), o cemitério teve que ser isolado e os sepultamentos foram suspensos temporariamente. O artigo 212 do Código Penal trata de casos de violação de túmulos. Segundo a legislação em vigor, o ato de vilipendiar cadáveres ou suas cinzas pode ser punido entre um a três anos de reclusão e pagamento de multa.


Por G1 PE

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Web Interativa - O portal de notícias da Bahia
Web Interativa - O portal de notícias da Bahia
Web Interativa - O portal de notícias da Bahia
Web Interativa - O portal de notícias da Bahia