Web Interativa - O portal de notícias da Bahia

Sem saber que estava grávida, mulher dá à luz sozinha em casa

Foto: Reprodução

 Uma mulher que não sabia que estava grávida deu à luz sozinha em sua casa, na madrugada de terça-feira (2), no Bairro Bethânia, em Ipatinga. O Corpo de Bombeiros foi acionado para auxiliar no parto, chegando já no final, com o bebê no colo da mãe, ainda preso pelo cordão umbilical.


De acordo com os bombeiros, a gestante e seus familiares não sabiam da gravidez e, por isso, ela não havia feito o acompanhamento pré-natal. Os militares então cortaram o cordão umbilical do bebê e encaminharam mãe e criança para o Hospital Márcio Cunha. A menina nasceu com 2,682 kg.


Gravidez silenciosa


É possível que algumas mulheres engravidem sem perceber nenhum sinal ou sintoma da gestação, podendo, inclusive, ter sangramentos e manter a barriga lisa, sem o crescimento característico desse período.


De acordo com o site Tua Saúde, alguns sintomas que ocorrem durante a gravidez, como náuseas e vômitos, dor nas mamas, cólicas ou alterações de humor, por exemplo, são principalmente causados pelo aumento dos hormônios sexuais, porém, algumas mulheres podem não sentir essas diferenças por terem maior tolerância aos hormônios e a essa oscilação hormonal.


Além disso, um bebê quieto ou uma placenta situada na frente do útero podem impedir que a mulher perceba os movimentos do bebê.


O não aparecimento de barriga, por sua vez, pode acontecer por vários motivos, m mulheres que têm um abdômen longo, em que existe mais espaço para que o útero se desenvolva para cima e não para fora, podendo dar a impressão de uma barriga menor, em mulheres com excesso de peso, cuja barriga pode ser confundida, ou em mulheres com músculos mais trabalhados, em que a barriga pode não ficar tão saliente, e o bebê se desenvolver mais perto da coluna: Além disso, o feto também pode estar escondido na caixa torácica e/ou, quando é muito pequeno, pode também não se perceber uma diferença muito grande na barriga.


Riscos


Esse tipo de situação é arriscada pois o fato da mulher não saber que está grávida faz com que ela não procure acompanhamento pré-natal ou aulas de preparação para o parto, podendo pôr em risco a vida do bebê. Além disso, a pessoa continua a manter os mesmos hábitos, que podem ser prejudiciais para o bebê, como ingerir bebidas alcoólicas, cigarro ou medicamentos que são contraindicados na gravidez.


Existem também suplementos que devem ser tomados durante a gravidez, como é o caso do ácido fólico, por exemplo, para que o bebê nasça saudável e, nestes casos, isso não é possível.


Fonte: Correio Braziliense


Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Web Interativa - O portal de notícias da Bahia
Web Interativa - O portal de notícias da Bahia
Web Interativa - O portal de notícias da Bahia
Web Interativa - O portal de notícias da Bahia