Web Interativa - O portal de notícias da Bahia

Vídeo: Câmara de Salvador tem princípio de porradaria após derrubada de veto que causa rombo na Prefeitura

Foto: Reprodução

 A Câmara Municipal de Salvador (CMS) derrubou, em sessão realizada nesta terça-feira (9) o veto do prefeito Bruno Reis (UB) que anulava o reajuste a ser concedido pelos agentes comunitários de saúde. Após a medida, o clima ficou tenso na Casa Legislativa, com confusão entre alguns vereadores.


O presidente da CMS, Geraldo Júnior (MDB), abriu a sessão com 22 membros, número suficiente para colocar em pauta a derrubada do veto, o que aconteceu.


Em seguida, teve início uma grande confusão que teve como protagonista o líder do governo na CMS, vereador Paulo Magalhães Júnior (UB). Ele chegou a partir para cima de Geraldo Júnior, mas acabou sendo contido (veja vídeo abaixo). A Polícia Legislativa precisou intervir para evitar que a situação ficasse ainda pior. Diante do clima tenso, o presidente da Câmara encerrou a sessão.


Geraldo Júnior lamentou a tentativa de agressão, mas disse que ficou satisfeito com a decisão tomada.


"O regimento foi honrado. São milhares de trabalhadores que necessitam do apoio desta casa. O que vale é a minha consciência com Deus, com os trabalhadores e trabalhadoras, independentemente de política. Vou continuar defendendo esta casa e a minha resposta está aí, a minha satisfação está aí (...) Nós conseguimos colocar mais de 22 vereadores no plenário, e vencemos a derrubada do veto", respondeu o emedebista.


Com a derrubada do veto, a expectativa é a de que haja um rombo superior a R$ 300 milhões nas contas da Prefeitura de Salvador.


Assista:

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Web Interativa - O portal de notícias da Bahia
Web Interativa - O portal de notícias da Bahia
Web Interativa - O portal de notícias da Bahia
Web Interativa - O portal de notícias da Bahia