Web Interativa - O portal de notícias da Bahia

Jerônimo encontra Alckmin e equipe de transição da presidência em Brasília

Foto: Reprodução

 O governador eleito da Bahia, Jerônimo Rodrigues, está em Brasília. Nesta terça-feira (8), Jerônimo encontrou o vice-presidente eleito Geraldo Alckmin, coordenador da equipe de transição do presidente eleito Luiz Inácio Lula da Silva.


O próximo governador baiano ainda se encontrou com outros integrantes da equipe de transição do presidente Lula, como Aloizio Mercadante, além do senador eleito Wellington Dias (PT-PI), do deputado federal Reginaldo Lopes (PT-MG) e do senador Paulo Rocha (PT-PA).


O encontro aconteceu na residência do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), que foi anfitrião do encontro.


“Nosso objetivo é fortalecer o diálogo, estabelecer uma relação civilizada que permita sempre o benefício dos baianos e baianas. Vim abrir portas e convidá-los para irem a Bahia”, disse Jerônimo.


Jerônimo esteve acompanhado do seu vice, Geraldo Júnior; do senador reeleito Otto Alencar; dos secretários de Relações Institucionais, Luiz Caetano e de Infraestrutura, Marcus Cavancanti; e do assistente especial da Casa Civil, Adolpho Loyola, que integram o grupo de transição do estado.


A agenda em Brasília ainda terá discussões sobre prioridades em relação às emendas ao Orçamento 2023. Ainda na noite desta terça, Jerônimo encontra com deputados e deputadas federais acontece ainda na noite desta terça.


Na semana passada, no primeira reunião com o governador Rui Costa para tratar da transição, Jerônimo falou que composição do seu secretariado teria alinhamento com o Governo Federal.


"A gente está desenhando isso com a ajuda do Governo do Estado e ainda com o que está sendo definido para o Governo Federal. Lula já avisou que vai investir em Turismo, por exemplo. Precisamos saber o que construir aqui para compor e aproveitar esse planejamento. Lula disse que vai criar um Ministério dos povos originários, povos indígenas. Vamos ver como fazer esse intercâmbio de políticas públicas. E faremos isso sem deixar de nos preocupar com as pastas prioritárias, Segurança Pública, Saúde, Educação, entre outras", explicou na ocasião.


Por g1


Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Web Interativa - O portal de notícias da Bahia
Web Interativa - O portal de notícias da Bahia
Web Interativa - O portal de notícias da Bahia
Web Interativa - O portal de notícias da Bahia