Web Interativa - O portal de notícias da Bahia

Mulher é presa após reagir e matar estuprador em Minas Gerais

Foto: Reprodução

 Jorge Valentim de 72 anos foi morto no último dia 27 de outubro por Stefanie Marques Ferreira Candido, de 30 anos, em São Lourenço, no sul de Minas Gerais. Segundo familiares de Stefanie, ela agiu em legítima defesa ao matar o próprio estuprador.


De acordo com a Polícia Civil de Minas Gerais, entretanto, a mulher foi presa em flagrante e conduzida ao sistema prisional. Os agentes concluíram o inquérito e indiciaram Stefanie por homicídio.


O caso ganhou repercussão após a irmã de Stefanie, Brenda Marques, criar uma conta nas redes sociais em busca de apoio jurídico e financeiro. As advogadas Amanda Scalisse e Juliana Garcia assumiram o caso e informaram que vão entrar com uma medida para revogação da prisão preventiva.


Em depoimento, Stefanie alegou legítima defesa e informou aos agentes que era vítima de violência sexual. Entretanto, a Polícia Civil declarou que essa possibilidade não foi investigada.


“Está claro, no processo, que ela agiu em legítima defesa. Além disso, Stefanie é primária e possui bons antecedentes, o que demonstra que sua colocação em liberdade não representa risco para a sociedade. No momento, estamos aguardando a decisão”, informou a advogada Amanda Scalisse.


Por Metrópoles

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Web Interativa - O portal de notícias da Bahia
Web Interativa - O portal de notícias da Bahia
Web Interativa - O portal de notícias da Bahia
Web Interativa - O portal de notícias da Bahia