Criminalização do funk é proposta para comissão do Senado Federal: ‘Falsa cultura’

(foto: Túlio Santos/EM/D.A PRESS - 19/02/2011)
Fonte: Bahia Notícias
Uma proposta que busca criminalizar o funk brasileiro virou sugestão legislativa no Senado após receber 21.983 assinaturas. A Ideia Legislativa trata o funk como “crime de saúde pública”. “É fato e de conhecimento dos Brasileiros difundido inclusive por diversos veículos de comunicação de mídia e internet com conteúdos podre alertando a população o poder público do crime contra a criança, o menor adolescentes e a família”.
Crime de saúde pública desta “falsa cultura” denominada “funk” (sic).”, diz a descrição do documento. Para o autor da proposta, Marcelo Alonso, os baile funks são “um recrutamento organizado para atender criminosos, estupradores e pedófilos” para praticar crime contra crianças e adolescentes.

A proposta foi encaminhada para relatoria de Cidinho Santos (PR-MT) na Comissão de Direitos Humanos e Legislação Participativa (CDH) do Senado Federal. O senador rejeitará a relatoria. Qualquer brasileiro pode sugerir propostas de lei ao Senado por meio do portal e-Cidadania.
Compartilhar no Google Plus

Sobre WEB INTERATIVA

DEIXE SEU RECADO