Ex-deputado Rocha Loures é preso pela Polícia Federal

Foto: Reprodução/TV Globo

Da Redação (redacao@correio24horas.com.br)
A Polícia Federal informou ter prendido o ex-deputado e ex-assessor especial do presidente Michel Temer Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR). O mandado de prisão foi assinado na noite de sexta-feira (2), pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Luiz Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato, a pedido da Procuradoria Geral da República (PGR), e a prisão ocorrido na manhã deste sábado (3).
Ele foi preso preventivamente em Brasília e foi levado para a Superintendência da PF no Distrito Federal. O ex-deputado foi flagrado pela PF recebendo uma mala com R$ 500 mil que, segundo delações da JBS, seriam dinheiro de propina.

Loures é investigado por supostamente agir em nome de Temer e na condição de ‘homem de confiança’ do presidente e interceder junto à diretoria do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) - órgão antitruste do governo federal - em benefício da JBS.
Compartilhar no Google Plus

Sobre WEB INTERATIVA

DEIXE SEU RECADO