“Não reformei a casa do esfaqueador do candidato à presidência da república pelo PSL”, diz Fátima Bernardes após boatos

Reprodução/TV Globo
Folhapress

Fátima Bernardes veio a público desmentir uma notícia falsa que está sendo veiculada a seu respeito nas redes sociais de que teria reformado a casa do agressor do candidato à Presidência Jair Bolsonaro (PSL).
O boato, espalhado no WhatsApp, afirma que a produção do Encontro com Fátima Bernardes (Globo) teria premiado a família do pedreiro Adélio Bispo de Oliveira com R$ 350 mil, além de reformar a casa do esfaqueador do presidenciável.

O texto da rede social afirma que a homenagem teria sido feita para demonstrar que “o homem é apenas uma vítima do sistema, da sociedade, capitalista, preconceituosa, odiosa e sem amor e porque era intimidado com os discursos de ódio de Bolsonaro”.

“Mais uma notícia falsa circulando pela internet me obriga a fazer esse esclarecimento. Eu não reformei a casa do esfaqueador do candidato à presidência da república pelo PSL. Toda a minha vida pública sempre foi pautada no respeito à vida humana, independentemente de credo, cor, gênero, ideologia. Eu jamais apoiaria qualquer ato de violência. Divulgar uma notícia falsa é uma irresponsabilidade que não contribui em nada para o momento que estamos vivendo”, disse Fátima em vídeo publicado no seu perfil do Instagram.

Compartilhar no Google Plus

Sobre WEB INTERATIVA

DEIXE SEU RECADO