Derrotado nas urnas, Popó dispara: ‘População se torna mais corrupta do que o político’

Foto: Rodrigo Aguiar/ bahia.ba


Redação: Bahia.ba

O pugilista aposentado e ex-deputado federal Acelino Popó Freitas, decepcionado com o resultado das eleições quando não conseguiu se eleger, anunciou nesta terça-feira (16) ter abandonado a carreira política e criticou a eleição do atual cantor/vereador Igor Kannário (PHS) à Câmara Federal.

“Infelizmente, as pessoas querem o dinheiro. [O eleitor] só vota pela gasolina, pelo botijão de gás, pela bola de futebol… recebi todos os tipos de pedido. […] Não me colocaram lá para votar em projetos que era bom para gente, mas colocaram quem lá? Igor Kannário. Não reclame gente. Sou fã do cara e da música, mas tem casos e acasos”, justificou em entrevista à rádio Metrópole, conforme o Metro1.

Ao radialista Antonio Tillemont, Popó contou sobre a decepção ao se filiar ao PRB, partido comandado pela Igreja Universal do Reino de Deus, e PDT. O agora ex-político não poupou críticas ao presidente estadual da sigla Trabalhista, Félix Mendonça Júnior, que lhe prometeu bancar uma candidatura ao Senado Federal, mas sucumbiu às pressões para se manter na chapa de Rui Costa (PT).

“Félix Mendonça, eu achei que era meu amigo, prometeu tanta coisa e não fez nada. Não me deu condição nenhuma de trabalho. Não fez nada. Nada. Eu odeio gente mentirosa. Se você é homem, cumpra com sua palavra”, explicou.

Sem projetos imediatos, o ex-pedetista aguarda o lançamento de seu filme biográfico estrelado pelo ator Daniel Rocha.

Compartilhar no Google Plus

Sobre WEB INTERATIVA

DEIXE SEU RECADO