Vereadores de oposição saem em defesa das empresas de Ipirá


Foi apresentado na Câmara de Ipirá, projeto de lei, de autoria do Executivo Municipal que possibilita a isenção de impostos para empresas com mais de mil funcionários em Ipirá. As empresas cobertas pelo projeto ficariam isentas das Taxas de Fiscalização e funcionamento (TFF) e do imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU).  

A bancada de vereadores de oposição, composta por Deteval Brandão, Weima Fraga, Marcos de Dadá, Carlinhos Simas, Benedito do Leite, Jaildo do Bonfim e Caryl Oliveira saiu em defesa das empresas ipiraenses, que por não atingirem o critério exigido pelo projeto [ter mais de mil funcionários] não teriam direito a isenção de impostos.

Foi convocada uma sessão extraordinária na última quinta-feira (28) para que o projeto fosse apreciado, porém, sem atingir um consenso entre os vereadores, o presidente da Câmara suspendeu a sessão.

Os vereadores de oposição estudam alternativas e emendas, para que empresas originalmente ipiraenses também venham a ser beneficiadas com o projeto, segundo informou o líder da bancada Deteval Brandão: “Estamos engajados e empenhados neste projeto, estudando alternativas e emedas, que apresentaremos para que as empresas do nosso município também venham a ser beneficiadas, como por exemplo, reduzir o número exigido de funcionários”.

Deteval ressaltou a importância da população na sessão da Câmara de Vereadores na próxima terça-feira (2). “Faz-se de extrema importância a participação da população, do empresariado e de representantes da sociedade civil para que possamos discutir este projeto juntos, na próxima terça”.


Assessoria de Comunicação
Bancada de Oposição na Câmara de Vereadores de Ipirá
Compartilhar no Google Plus

Sobre Web Interativa

0 comentários:

Postar um comentário

DEIXE SEU RECADO