Empréstimo Bolsa Família: Entenda como funciona e como fazer



Além do auxílio na renda, as famílias que recebem o Bolsa Família passaram a contar com uma linha de crédito, conhecida como microcrédito. A ideia do programa Progredir é ajudar na ampliação de renda com:

Desenvolvimento de pequenos negócios: seja abrir uma lojinha ou montar seu esquema de vendas de lanches na região por exemplo.

Ou mesmo, melhorar as condições de moradia e educação de sua família.

Quem tem direito de participar do microcrédito?

Famílias com a renda mensal inferior a R$ 170;

Todas as crianças e jovens entre 6 e 17 anos precisam estar matriculadas nas escolas;

Participar das ações do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) para saúde da mulher.

Como ter acesso ao “Empréstimo Bolsa Família”?

Você precisa:

Possuir renda própria, além do programa, validada em carteira assinada e comprovante de renda;

Ter um fiador;

Permitir a visita na sua casa de um fiscal do programa.

Como fazer o empréstimo?

Para confirmar se você tem direito, ou não. É necessário ir a uma agência da Caixa Econômica Federal e realizar sua consulta.

Agende uma visita de um agente da Caixa na sua casa, junto com seu fiador;
Aguarde 8 dias após a visita do agente Caixa, que é o tempo de análise do empréstimo que você deseja fazer;

Caso seja aprovado, espere a liberação do valor solicitado. Você receberá o dinheiro pela Caixa Econômica;

Assim que liberado o dinheiro, ele já estará disponível para saque.

E as taxas de juros?

A taxa de juros é definida com base em vários critérios, alguns deles são:
Valor que você deseja pegar emprestado;

Quantidade de parcelas;

Sua situação de renda.

Quanto eu consigo pegar de empréstimo?

Em 2018, o limite para cada empréstimo era de R$ 15 mil. Sendo que, em média, as pessoas pegavam R$ 4 mil. Então, quando for solicitar o seu crédito, saiba que você tem um limite e isso também pode variar com as suas condições de renda e pagamento.

Avalie sua renda
Como diz o ditado “não dê um passo maior que a perna”. É importante você saber quanto de dinheiro entra na sua conta por mês e quais são seus gastos. Um empréstimo é mais um compromisso. E ele não pode comprometer contas essenciais como água, luz, aluguel, alimentação, etc.

Meu empréstimo, minha responsabilidade

Sei que pode ser chato ficar repetindo isso, mas é muito importante ter claro que: ao assumir um crédito, você precisa cuidar bastante para não vacilar nos pagamento. Pois isso pode prejudicar seu nome.

Estou desempregado e preciso muito desse dinheiro

Existem alternativas para ajudar você nessa situação e opções para tentar um empréstimo. Mas é importante saber que, nessa situação, as taxas de juros são altas, então é ainda mais importante o comprometimento.

Serasa Consumidor

Sobre Web Interativa

WEB INTERATIVA - PORTAL DE NOTÍCIAS - Redacao@interativapn.com

0 comentários:

Postar um comentário