Secretário da saúde afirma que a Bahia vive uma “maré alta” da pandemia


Com os números da contaminação pela covid-19 estabilizados e sem quedas significativas há cerca de um mês, quando foi atingido um platô, o secretário estadual da saúde, Fábio Vilas-Boas, afirma que o estado vive uma “maré alta” da pandemia. De acordo com ele, as principais razões para que isso aconteça são as aglomerações causadas por campanhas eleitorais e festas noturnas. O secretário também afirma que houve uma mudança no padrão dos contaminados, com aumento do número de casos entre pessoas de 20 a 40 anos de idade.

Vilas-Boas, revelou também estar preocupado com o aumento do número de casos de covid-19 que não entrarão para os registros oficiais por conta da não testagem da população em diversas cidades da Bahia. Ele lamentou que nesse momento muitas prefeituras estão voltadas unicamente para as campanhas eleitorais, deixando de lado a prevenção contra a doença.

O secretário disse ainda que espera voltar a fazer a busca ativa dos casos de coronavírus após a eleição de 15 de novembro.

Sobre Web Interativa

WEB INTERATIVA - PORTAL DE NOTÍCIAS - Redacao@interativapn.com

0 comentários:

Postar um comentário

reverse_time-href="https://www.interativapn.com/" data-numposts="5" data-width="">