Web Interativa - O portal de notícias da Bahia

Bolsonaro admite derrota nas urnas a Moraes, mas não faz declaração pública

Foto: Reprodução

 Derrotado nas urnas neste domingo (30/10), o presidente Jair Bolsonaro (PL) não fez manifestação pública reconhecendo o resultado do pleito, que deu vitória a seu adversário Luiz Inácio Lula da Silva (PT), por 50,90% dos votos válidos, ante 49,10%. O atual chefe do Executivo federal apenas admitiu a derrota ao presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Alexandre de Moraes.


Ao proclamar o resultado das eleições para presidente da República, Moraes relatou ter ligado para os candidatos que concorreram ao pleito.


“Liguei pessoalmente para conversar com ambos os candidatos, Luiz Inácio Lula da Silva e Jair Bolsonaro, dizendo que a Justiça Eleitoral já estava apta para proclamar o resultado”, disse o ministro a jornalistas.


Bolsonaro votou no Rio de Janeiro e retornou para Brasília por volta das 15h, de onde acompanhou a apuração. Ao longo da tarde, recebeu visitas de aliados como o ministro da Justiça, Anderson Torres, e o senador Flávio Bolsonaro (PL-RJ). O ministro de Minas e Energia, Adolfo Sachsida, também chegou ao Alvorada após o TSE apontar vitória matemática de Lula, mas deu a meia volta.


Por volta das 21h, assessores da Secretaria de Comunicação Social da Presidência (Secom) e agentes do Gabinete de Segurança Institucional (GSI) desmobilizaram o esquema de segurança.


Além de não ter feito declaração à imprensa, Bolsonaro e seu entorno mais próximo — incluindo filhos e ministros palacianos — não se manifestaram nas redes sociais.


Nesta segunda-feira (31/10), Bolsonaro não possui compromissos públicos como presidente da República.


Fonte: Metrópoles 

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
Web Interativa - O portal de notícias da Bahia
Web Interativa - O portal de notícias da Bahia
Web Interativa - O portal de notícias da Bahia
Web Interativa - O portal de notícias da Bahia