Farpas e graves acusações pessoais marcam sessão na Câmara de Ponto Novo


Por: Felipe Fister/Web Interativa
contatowebinterativa@gmail.com

Como já era de se esperar, a sessão desta segunda-feira (5) na Câmara de Vereadores de Ponto Novo foi quente, devido às últimas confusões protagonizadas pelos vereadores publicamente, e repleta de farpas e acusações pessoais.
Após a leitura da denúncia que pode lhe fazer perder o mandato, o vereador Michel Jonathan usou a tribuna da Casa para as explicações pessoais para se defender e atacou seu denunciante, Jamilton Fernandes (veja aqui) e o presidente da Casa, Junior do Roque.
“Era para a presidência desta Casa que deveria ser feita a denúncia do sr. Jamilton, aonde anda nos bares dando tiros, aonde anda praticando desordem na cidade, aonde anda praticando atos ilícitos”. Afirmou o vereador.
Em sua fala, o presidente da Câmara, Junior do Roque rebateu. “Eu quero dizer a vocês que o senhor vereador a maioria dessas sessões estava ‘raparigando’”.
Vale ressaltar que o vereador Michel Jonathan tem o prazo de dez dias para fazer a sua defesa da denúncia que pode lhe custar o mandato. Aguardamos os próximos capítulos desta história que aparenta estar longe de um fim.

Compartilhar no Google Plus

Sobre WEB INTERATIVA

DEIXE SEU RECADO