Resistência e Luta: APLB– Delegacia Sindical Lavras de Granito realizará eleições nos dias 06 e 07 de junho; conheça as candidatas do núcleo sindical da APLB de Ponto Novo


AÇÕES E PROPOSTAS

1. Defender uma Educação pública de qualidade;

2. Lutar contra o desmonte da aposentadoria e contra a reforma da previdência;

3. Lutar contra os cortes de investimentos da educação;

4. Exigir o cumprimento da Lei Federal nº 11.738/2008, pagamento do piso salarial e a reserva técnica de carga horária;

5. Cobrar adesão do PRÓ-FUNCIONÁRIO, possibilitando a participação dos servidores de apoio em um plano de carreira unificado e remuneração condigna;

6. Garantir a participação efetiva dos membros da diretoria da APLB nos Conselhos : CME, CACS-FUNDEB e CAE;

7. Assegurar o enquadramento dos professores de 20 horas para 40 horas semanais, conforme dispõe o Plano de Carreira e o Estatuto do Magistério do município;

8. Realizar formação sindical para os dirigentes da delegacia e núcleos;
9. Intensificar o atendimento dos afiliados da rede estadual e promover campanha de filiação;

10. Promover seminários temáticos, fóruns e palestras com temas relevantes a categoria;

11. Intensificar o pagamento adequado dos 60% do precatório do FUNDF aos trabalhadores emEducação;

12. Intensificar as visitas as escolas das redes municipais e estadual;

13. Fortalecer os vínculos profissionais através de encontros com Rede de Experiências para os servidores de apoio e promover campanha de filiação dos funcionários de escolas;

14. Exigir a eleição de diretores conforme o estatuto e o plano de carreira municipal visando impedir a inferência política na gestão escolar;

15. Cobrar da APLB estadual uma comunicação prévia para organização dos momentos de lutas relacionadas às paralizações estaduais e nacionais;

16. Cobrar da Secretaria Municipal de Educação um cronograma de concessão de Licenças (Prêmio e sem remuneração), a partir de análises dos requerimentos com critérios pré-estabelecidos;

17. Lutar pela licença para desempenho de mandato classista de dois dirigentes do município e mais uma para cada 100 filiados sem prejuízos dos vencimentos e vantagens para desempenhar as atividades sindicais;

18. Lutar pelo pagamento dos trabalhadores em dia, conforme garante a legislação vigente como décimo terceiro salário e terço de férias, assim como a valorização dos profissionais da Educação;

19. Garantir o cumprimento do número máximo de alunos por turmas em todas as instituições de ensino conforme estabelece o Parecer CNE/CEB nº8/2010;

20. Manter a luta ao lado da categoria por todos os nossos direitos como trabalhadores/profissionais da Educação e conscientizar a mesma sobre a importância a importância do cumprimento dos seus deveres.

Sobre Web Interativa

WEB INTERATIVA - PORTAL DE NOTÍCIAS - Redacao@interativapn.com

0 comentários:

Postar um comentário